RCGI promove Workshop sobre aumento do uso de gás natural e bem estar social

Produção mundial de gás natural vem crescendo desde a crise de 2009, segundo a International Energy Agency; no Brasil, governo tenta fomentar o mercado de GN

No dia 12 de agosto, a partir das 14h, o FAPESP Shell Research Centre for Gas Innovation (RCGI) promove o Workshop “Perspectivas de aumento de uso de gás e impactos no bem estar social”. Os palestrantes serão Luis Antônio Bittar Venturi, professor da Faculdade de Filosofia, Letras e Ciência Humanas da USP e coordenador de um dos projetos do RCGI; Diogo Martins Teixeira, advogado associado ao esctitório Machado Meyer, especialista em direito aduaneiro e tributação indireta. O Professor Edmilson Moutinho dos Santos, coordenador do Programa de Políticas de Energia e Economia do RCGI será o mediador.

O evento é organizado pela equipe do RCGILex, coordenada pela professora Hirdan Medeiros Costa, e acontece na sede do RCGI, que fica no 1º andar do prédio da Engenharia Mecânica e Naval da Escola Politécnica da USP (Av. Professor Mello Moraes, 2231 – Butantã, São Paulo). É gratuito e aberto ao público em geral. Para se inscrever, basta enviar email para rcgi.lex@usp.br.

“A exposição será dividida em duas partes: a primeira se refere às evidências concretas da perspectiva de aumento do uso do gás natural, em nível mundial e nacional. A segunda alude aos possíveis efeitos desse aumento no nível de bem estar social, com base em alguns parâmetros como segurança energética, qualidade do ar e custos”, resume Venturi.

De acordo com a International Energy Agency (IEA), a produção global de gás natural vem aumentando desde a crise econômica de 2009. Em 2017, bateu um novo recorde de 3.768 bilhões de metros cúbicos, um aumento de 3,6% em relação a 2016 e o maior desde 2010. Enquanto isso, no Brasil, com o advento das reservas do pré-sal, o governo tenta mais uma vez estabelecer diretrizes para um mercado mais pujante e competitivo. Recentemente, o Conselho Nacional de Política Energética (CNPE) publicou a Resolução 16 visando a implementação do Novo Mercado de Gás, programa de nível federal com o objetivo de expandir a indústria de gás no País, com a adesão dos Estados.

O evento faz parte de uma série de palestras e workshops desenvolvidos há quase dois anos pela equipe mantenedora do RCGILex – um conjunto de produtos editoriais digitais usados para compilar e analisar os marcos legais e regulatórios aplicados ao setor brasileiro de gás natural, desenvolvido no âmbito do Projeto 21 do RCGI.

“Os workshops e palestras geram conteúdo que retroalimentam a ferramenta RCGILex, onde aglutinamos as normas e as comentamos. E também nos proporcionam o aumento de nossa rede de contatos, a interação com outros projetos do RCGI e a constante atualização de nossos conhecimentos”, afirma a professora Hirdan K. Medeiros Costa.

 

Sobre o RCGI: O FAPESP SHELL Research Centre for Gas Innovation (RCGI) é um centro de pesquisa financiado pela Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo (FAPESP) e pela Shell. Conta com 320 pesquisadores que atuam em 46 projetos de pesquisa, divididos em quatro programas: Engenharia; Físico/Química; Políticas de Energia e Economia; e Abatimento de CO2. São projetos que visam reduzir as emissões globais de gases de efeito estufa (GEEs), em especial o CO2.

 

****************************

 

ATENDIMENTO PARA A IMPRENSA:

Acadêmica Agência de Comunicação

(11) 5549-1863 / 5081-5237

Angela Trabbold – angela@academica.jor.br